segunda-feira, 2 de junho de 2008

 

ROCK IN RIO a crónica de quem VIU / FOI e vice-versa

6ªFeira: a menina mais aguardada da noite. A menina que levou com toda a certeza mais de 50 mil pessoas ao Parque da Bela Vista. A menina que chegou e em vez de vencer fez uma triste e degradante figura. Uma miúda com 24 anos e um mundo de fãs aos seus pés que não tem vontade de viver. Uma miúda dona de um talento estrondoso (dizem, porque talento naquela 6ªF nem vê-lo) com a possibilidade de dar asas a esse mesmo talento, com a benção de poder voar e fazer aquilo que de mais precioso a vida lhe deu, o seu dom e NADA. O vazio. O olhar vago, as pernas bambas, a vontade de morrer. A morte em palco. A morte já, talvez sem que ela ainda o saiba mas a morte ainda assim. A excelente banda, os músicos brilhantes que tudo fizeram para salvar a situação. A solidariedade que lhe prestaram e da qual ela nem deve ter noção inebriada que está pelo poder da droga. Tudo isso desperdiçado. Tudo isso deitado fora, à medida que inspira os cocktails explosivos que a enfeitiçaram e os expele (talvez) com prazer desmedido. Todo o tanto que ela tem numa sarjeta. Todo o tanto que ela tem NADA é para si. 24 anos justificam tamanha auto-destruição? Terá já tanto sofrimento dentro dela que justifique aquele desistir (tão agressor?) Não posso julgar. Não sei nada de nada dela. Cada um sabe de si. Em todo o caso ela é profissional. Aquele pseudo-concerto foi uma fraude e ainda assim viam-se pessoas a aclamá-la. A aplaudi-la e a sorrir-lhe como se fosse alguma coisa o que ela veio mostrar. A mim só mostrou decadência, destruição, sofrimento, vontade de morrer, vazio. Não terá ela quem a tente trazer de volta? Eu sei que não podemos salvar quem não quer ser salvo. Eu sei que as pessoas só vivem o que querem viver. Mas faltou quem a abraçasse e a tirasse dali para que não prolongasse por tantos minutos a penosa figura. Falta quem lhe cancele os concertos e lhe diga que "Assim não. Assim não vale a pena." Falta ela própria dentro dela. Falta vontade de ser. Vontade de SER! Falta ali tanta coisa que olhar para ela me foi doloroso. Tive genuína vontade de chorar. Que desperdício porra! Que desperdício... Uma vida assim desperdiçada. Tantas vidas desperdiçadas. Tantas! Passo por tantos como ela todos os dias. Uma espécie de zombies. Corpos sem alma que vagueiam em busca de uma utopia. Que tudo lhes custou. Não há vida sem sofrimento. Andar dormente não me parece que seja a saída. É impossível fugirmos à dor. A lucidez ataca sejam quais forem as circunstâncias. Porque não se matam de vez? Porque prolongam a dormência, a eterna busca, a eterna desilusão, o sofrimento, a decadência? Porquê prolongar uma "vida" assim? Não compreendo. Não compreendo. Não compreendo! E mais uma vez... Quem sou eu para julgar a forma como as pessoas vivem e encontram a sua maneira de viver. Mas custa-me. Já é tudo tão efémero. Passar por isto adormecido é um desperdício! Digo eu...

No meio de toda a minha tristeza só a minha mãezinha para me fazer rir ao perguntar-me se ela não estava um bocadinho esquisita?!

E agora o que vi ao vivo!

Sábado: A minha ALANIS MORISSETTE sempre perfeita! Angelical. Caída do céu. A voz arrepiante e cristalina. As músicas com letras escritas para cada um de nós especialmente. Cada uma tocando um momento, um sentimento, uma partilha. Soube-me a pouco. Queria mais! Quero que ela volte! Cantou uma das músicas que mais me diz: PERFECT (leiam a letra se tiverem oportunidade). Obrigada menina! Acompanho-te há doze anos e vou continuar...

NOTA negativa ao RIR2008: Gostava de saber porque raio é que a Alanis ficou antes do panhonha do Alejandro Sanz. Ia-me dando um colapso nervoso com o homem. A cada música parece que o senhor vai cortar os pulsos em palco tal é a gritaria. Que grande estucha o concerto dele. Oh menino "pursenide" e isso sai tudo. Limpinho! É que já cá tinha vindo e tinha sido a mesma seca e agora repetem a dose. Não dá para entender. Porque não 2h de Alanis e 0h de Alejandro?! (Mas isto sou eu a ser tendenciosa claro)

BON JOVI: grande concerto! Goste-se ou não, o senhor é um animal de palco e o concerto foi um momento bem divertido!

1) Porque ele puxou pela malta como ainda mais ninguém o fez neste Rock in rio. (A não ser o Bill dos Tokio Hotel cuja simples presença desencadeou uma reacção lacrimejo/cantante preponderante sobre o género feminino. O que achei extraordinário é que as meninas TAMBÉM sabiam a letra da música que ele cantou em alemão o que é de se tirar o chapéu!

2) Porque mesmo não acompanhando a carreira sabem-se as letras quase todas. (As que não se sabem é certinho direitinho em como contêm as palavras: love, life, forever - and ever -arms, warm e facilmente se conseguem apanhar pelo menos no que toca ao refrão)

3) O nosso público desde que correctamente motivado é um excelente público.

4) Foi um bom concerto ponto. Foi sim sra.

E pronto para 2010 há mais.

EM SETEMBRO... Chan chan chan chan: MADONNA! (Eu vou!)


Etiquetas: ,


Comments:
Curiosa como sou, vim espreitar este blog e como me agradou, no dia seguinte cheguei ao clube e perguntei:
"Sérgio como se chama a tua namorada?"
"Andreia", respondeu ele. (Isso eu já sabia)
"Apelido?"
"Moreira."
"Que giro, estive no blog dela e agradou-me"
Agora, tornei me assidua. Não que tenha muito tempo, mas quando me ligo, dou um pulinho nos blogs habituais, este será para acrescentar à lista (nem são muitos) :o)
Não te conheço, mas trabaho com o Sérgio e já sabia que ADORAS animais, ou pelo menos cães.
Nós temos café Nicola lá no clube e os pacotinhas de açucar:
"Um dia... levo um cão abandonado para casa" - Quando lhe calha esse, ele fica sempre pensativo. Já faltou mais :o)
Enfim, histórias... continua a escrever que eu gosto de te ler.
Até já.
Ana Mendonça
 
Ana obrigada pela tua visita! Fico contente que gostes de me ler! Como o que eu mais gosto de fazer na vida é escrever, é bom saber que não cai em "saco roto" e que há quem volte para me fazer companhia! Quanto ao cãozinho já pedi muito e não me parece que ele vá ceder :) Deve ser impressão tua, o que ele deve pensar é mais do tipo "Deus me livre de ter um cão em casa!" eh eh eh eh. Tive um, um grande amor na minha vida e que deu lugar ao nome deste blog e de quem tenho muitas saudades. Apesar de ter sido uma das melhores experiências da minha vida (criar um piolho daqueles) sei que não quero passar por outro desgosto assim... Obrigada mais uma vez pelas tuas palavras tão simpáticas. Até breve! Andreia.
 
Completamente de acordo!!! Não estive lá pessoalmente mas acompanhei os concertos pela TV. O segundo dia foi, de facto, o melhor!!! A ALANIS é genial e os Bon Jovi mostraram que ainda estão aí para as curvas!
Quanto à AMY, acho que nunca deveria ter sido convidada. Que talento mais desperdiçado... e que euros mais desperdiçados, aqueles que foram pagos por quem só foi ao RIR para a ver...
Julgo que no segundo dia, a organização tinha ganho mais com a colocação de Alanis com Bon Jovi. Realmente, o Sanz nem para nos fazer dormir serve. Detestei! Não há pachorra... Eu não fui mas foi o Paulo que me ligou não sei quantas vezes durante os concertos. Alguns momentos foram realmente arrepiantes!!!
 
Gostei sobretudo da parte em que a Alanis trocou a letra e disse: "Irónico é conheceres o homem da tua vida... e depois conheceres o seu marido" ehehehehhehe

Bem sensato... Como isto anda!!!
 
Oh amiga já viste que agora sem messenger nunca falamos! Qdo combinamos um cafezinho? Já fechaste o JCS? Vê lá arranja um bocadinho na agenda!! Bjinhos!

P.S. Tb gostei desse pormenor. Mas uma prova da grande sensibilidade que mora nela!
 
errata: em vez de "mas" é "mais" uma prova!
 
É... eu tb adoro escrever. Sempre usei o papel para os grandes desabafos. Depois passei para o computador e depois passei p os blogs, quando eles apareceram, mas depressa percebi que não ficava como eu queria. Que queria ter tempo para escrever tanta coisa e ler ao mesmo tempo que me deixei disso. Talvez um dia volte a criar um. Até lá vou-te lendo :o)
 
bon jovi????? FOI LIIINNNNNNDDDOOOOOO!!!! até a minha visita ao backstage foi delirante!! ahahahahahahaa quack!
revivi alguns dos melhores momentos da minha vida neste concerto - eu sou fan e pronto! adoro-os e acho que mesmo mais velhos eles são um espectaculo!

quanto ao Mr. Pursenide.... n tenho palavras q descrevam....

beijo miga e... madonna lá estaremos!

cris :O)
 
EU FUI! e fui contigo :D
eu que tinha tanta má vontade com os bon jovi (só gostei deles na fase gadelhuda :)) fiquei completamente rendida à simpatia e profissionalismo daquele homem...que ainda por cima está cada vez mais giro agora com menos pêlo! :) sim porque eu gosto deles com pouco pêlo...tu sabes! ADOREI! bjinhos e até ao regresso ao parque para o concerto da minha maddie! :DDDD
 
Ana quando o criares não te esqueças de partilhar ;)

Cris só nós mesmo para acreditarmos... Somos da mesma massa sabes. Nada a fazer... E ainda bem!

Bzuu fico contente que tenha sido um bom momento em vez de ser uma gd tortura. Há que dizer sim às coisas. Mais vale arrepender de fazer do que nunca chegar a saber.

Cris e Bzuu lá estaremos lá estaremos lá estaremos! MADONNA!

Beijinhos a todas!
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Website Counter
Free Counter